Filme | Os tais 50 tons...



Ontem eu fui ao cinema assistir o tão famoso 'Fifty Shades of Grey' ou '50 Tons de Cinza' aqui no Brasil. E, como uma espectadora que conhecia pouquíssimo da história, posso dizer que gostei bastante.
Vou falar aqui o que eu achei do filme, mas sem detalhes, para aguçar a curiosidade de quem ainda não assistiu. Ah e que fique claro, não sou crítica de cinema, então não vou falar como tal!

Para quem não sabe, o filme é baseado numa das obras literárias mais vendidas e comentadas ultimamente. Entre 2011 e 2014 os 3 livros dessa série, venderam "feito água no deserto" e esse era o assunto mais comum nas rodas de amigas. Sim, falo amigAs, porque o livro é um romance melhor direcionado ao público feminino principalmente pelo fato de ser um romance BEMMMM apimentado, a mulherada enlouquecia!!!
Como disse, eu não li nenhum dos livros, mas tinha uma pequena ideia do que se tratava, pois no meu grupo de amigas, muitas leram e falavam maravilhas sobre. Eu confesso que hesitei ler, por implicância mesmo. Tenho esse problema (não gosto de modinhas), porém, após ver o filme estou bem interessada na leitura.



Falando agora sobre o filme...
AH UM AVISO AOS LEITORES!!! ANTES DE CONTINUAR, SAIBA QUE VOU FALAR PARA PESSOAS QUE JÁ CONHECEM A HISTÓRIA, ENTÃO SE VOCÊ NÃO SABE NADA SOBRE, PARE POR AQUI, OK?



Minha expectativa antes de assistir era bem diferente do que eu achei. Eu fui ao cinema esperando um filme picante, mas não pornográfico até porque eu já sabia que não era. E, apesar de saber que era um romance, eu imaginava algo bem diferente sobre a história.
No inicio fiquei um pouco incomodada com o jeito do Mr Grey, mas no decorrer eu entendi e comecei a refletir sobre. Claro que há muito transtornos psicologicos na mente do jovem bilionário, afinal, por quais outros motivos ele seria daquele jeito? E veja bem, eu nem tô falando do peculiar desejo do moço por algemas, cordas, chicotes, etc. O que mais me intrigou, foi o modo que ele se relaciona com as pessoas. A barreira que coloca entre os que se aproximam e até da própria família... A mim pareceu que ele é apenas um cara que tem medos. Medo de se envolver, se entregar, se apaixonar. Enfim, vou ter que ler os livros para entender melhor essa parte.



Agora uma outra reflexão que fiz, foi sobre meu olhar feminino perante a história toda. Como mulher, lógico que fiquei mexida... Primeiramente fiquei um tanto irritada com os posicionamentos do cara e logo depois comecei a me colocar dentro da história. Fiquei analisando o que fez tantas mulheres pirarem com esses livros e cheguei a uma conclusão. Não foi somente o toque de erotismo (melhor colocado no livro do que no filme, creio eu) que chamou tanto atenção. Vejo que isso é apenas a cereja do bolo. No meu olhar, o que encanta no Mr Grey, além da beleza é claro, são outros aspectos. A gentileza, a atenção, cuidado, mesmo que de forma um tanto rude, estão presentes nas características do moço. Assistindo ao filme, fiquei imaginando que mesmo que atualmente as mulheres em sua maioria, levantem a bandeira do sexo livre, independencia e modernidade, lá no fundo, gostam desse leve cavalheirismo. Ou será que não?? Em mim ficou uma enorme dúvida. Justo eu que me achava tão moderna e cabeça aberta, fiquei balançada...

Por fim, acho que vale a pena a ida ao cinema ou a leitura. Seja por curiosidade ou não, talvez seja um momento de reflexão como foi pra mim. Ou, quem sabe uma forma de esquentar uma relação que possa estar esfriando, como aconteceu com vários casais que conheço. Fica a dica e convite para contar aqui nos comentários, qual a sua opinião. Sobre os livros, filme ou ambos. Quero muito saber o que pensam outras mulheres.



Beijokas!

0 comentários