Saudade pra sempre...

Esse texto é em homenagem ao meu tio querido (José Carlos Góes) que infelizmente nos deixou esse ano. Foi escrito por sua filha, que soube traduzir muito bem em palavras, exatamente o que com certeza toda família sente. Coloquei aqui pois quis compartilhar com vcs, meus amigos, essas lindas palavras!



"Já tava na hora...

Fazendo as pazes com 2009.

Querido 2009,

Sei que a nossa relação está bastante estremecida.
O destino te deu uma missão difícil, eu sei.
Acredito que você poderia ter deixado a tarefa para os seus irmãos 2040 ou 2055, talvez.

Mas, mesmo sabendo das consequências, você teve coragem e assumiu.

E cumpriu a missão.
Levou de mim a pessoa mais importante do mundo.
A pessoa de quem eu mais vou sentir falta a minha vida inteira.

Te amaldiçoei, te julguei.
Considerei você o pior de todos os anos.
Achei que você era o responsável pela minha tristeza, que parecia que nunca iria acabar.

Mas aos poucos, as lágrimas foram secando. Hoje em dia elas só aparecem no meu rosto discretamente, quando a saudade aperta um pouco, ou em grande quantidade, quando a saudade aperta muito. Toda a mágoa que eu tinha de você foi cessando, porque eu percebi seu esforço para amenizar a dor de aceitar que meu pai querido tinha ido.

Primeiro, antes de sua partida, você fez com que eu presenciasse a alegria e satisfação do meu pai estando pela última vez em sua cidade, com seus irmãos queridos. Como eu não percebi que aquela festa toda era uma despedida? Poderia ter aproveitado mais, mas não me arrependo. Só de ver o rosto sereno dele, na ponta do barco, apreciando o mar e provavelmente pensando como a vida foi boa para ele apesar de tudo, já preenche o meu coração.

E olha só que curioso. Os meses que se sucederam só me trouxeram coisas boas, grandes ou pequenas, todas importantes. A mais importante foi o fortalecimento da minha família, que agora (veja só!) se prepara para a chegada de mais um membro.

Pai, você não está aqui para ver o pé de acerola que você plantou com tanto carinho dar seus primeiros frutos, não pôde ver a escolha do Rio para ser a sede das olimpíadas em 2016, não comemorou conosco a volta do Vasco à primeira divisão, não vai ficar cansado de ouvir minhas inúmeras histórias de Buenos Aires, muito menos ficar cansado de me dar aqueles conselhos certeiros, pessoais, profissionais, amorosos, acadêmicos, que eu sempre demorava muito para aceitar. Também não vai estar aqui pra me tirar amigo oculto desse ano e ficar me enganando até meia-noite.

2009, pode ir em paz.

Infelizmente o saldo não foi positivo, pois NADA, absolutamente NADA, compensa a falta que meu pai vai fazer pra mim.

Mas te agradeço por tudo o que você fez e recebo 2010 de braços abertos!

Ita"



Tio José, saudade pra sempre!!!

0 comentários